Sobre o GFNY

É um desafio de resistência pessoal onde pode competir com outros atletas, contra o relógio ou consigo próprio. Esse é o espírito do GFNY.

Aberto a amadores e profissionais, o evento simula um verdadeiro Grand Fondo Italiano: com controlo de tempo por chip, sinalização ao longo do percurso, resultados baseados nos tempos gerais, medalha para os participantes, troféus e camisolas para os campeões gerais masculino e feminino, além de pódio por faixa etária.

O GFNY é atualmente a competição que reúne o maior número de ciclistas de diferentes nacionalidades. Em 2016, a prova de Nova Iorque contou com atletas de 93 países. A média de idade dos competidores é de 41 anos e, proporcionalmente, é a prova que mais reúne o público feminino (19%).

Fundada em 2010, a marca GFNY está presente em diversas cidades dos quatro cantos do mundo, chegando a Cascais, Lisboa, em 2018.